5 tipos de planta para cultivar durante o inverno

Adrimar Construtora 10 de julho de 2019
0 pessoas gostaram desse post

No outono, e principalmente no inverno, muitas pessoas deixam de cultivar plantas em suas casas e apartamentos, por acharem que elas não irão sobreviver devido às baixas temperaturas e dias menos ensolarados. Mas, se engana quem pensa assim! Na verdade, existem muitas espécies de plantas que são perfeitas para cuidar nessa época e que, inclusive, ficam muito mais vistosas nessa estação do que em qualquer outra.

Por mais que sempre liguemos o desabrochar das plantas ao verão e primavera, ter plantas em casa na época mais fria e cinzenta pode trazer um aconchego único e um brilho que dará vida ao seu cômodo. Pensando nisso, listamos 5 espécies para você cultivar no inverno!

1 – Fórmio (Phormium tenax)

Com folhas bem longas que lembram lâminas de uma espada, a Fórmio é uma ótima pedida para quem quer cultivar no inverno e está a procura de uma planta bem chamativa em sua casa, podendo chegar até 3 metros de altura! Essa planta nativa da Nova Zelândia, é muito cultivada aqui no Brasil, principalmente no paisagismo, é muito comum ver o Fórmio balançando ao vento em algum jardim.

Além da clássica verde escura com bordas avermelhadas, também é possível encontrar a Fórmio em tons mais brancos, amarelados e até uma que vem chamando muita atenção de quem quer ter um vaso diferenciado em casa, que é em um tom em verde bem escuro, chegando a se passar por um cinza. Ela é uma planta de fácil cultivo, se adaptando muito bem em climas frios e quentes.

É uma ótima opção para quem quer embelezar um espaço maior, com um ar mais rústico, porque ela vai chamar atenção de alguma forma! Por isso, o mais indicado é uma sala que já trabalhe um ar mais rústico em sua mobília.

2 – Orquídea Cimbídio (Cymbidium)  

Essa é para quem é apaixonada(o) por Orquídeas! Pois se trata de uma das melhores espécies para se cultivar no inverno e que floresce nesta aconchegante época do ano. Indicada para ser cultivada em regiões que possuem um frio mais intenso, a Orquídea Cymbidium é uma espécie que suporta até 10ºC, principalmente no período da noite. Mas ela também não pode ficar muito em ambientes escuros, o ideal, na verdade, é não receber luz solar direta.

Ela é uma espécie que chama atenção por parecer um “grande Capim-Limão”, com suas cores vibrantes, principalmente na cor amarela, que é a mais conhecida e comercializada. Como ela pode chegar a tamanhos relativamente maiores do que o normal da maioria da sua família, ela fica ótima nos cantos dos cômodos, perto das janelas, pois acaba puxando toda atenção para ela e ainda dá um brilho único. Dependendo do espaço que você tem na sua casa, elas também ficam bem penduradas.

3 – Antúrio (Anthurium)

Sendo uma das flores preferidas da geração mais nova, os millenials, e da tribo urbana do momento, os hipsters, a Antúrio possui suas folhas em formato de coração, que podem ser encontradas na cor rosa, roxo, verde, branco e vermelho.

A Antúrio é recomendada em lugares onde o inverno não é tão rigoroso, que possuem mais dias de sol, como o litoral paulista, por exemplo. Ela necessita ficar exposta a lugares mais iluminados e suporta temperaturas de até 15ºC. O lado bom de cultivar esta espécie é que, ao contrário do verão, no inverno ela deve ser regada apenas uma vez por dia.

A Antúrio é uma flor considerada exótica, por isso, fica ótima em vasos grandes e em salas, ao lado de poltronas e cadeiras, trazendo um ar rústico e sofisticado.

4 – Cacto Orelha de Mickey Mouse (Opuntia Microdasys)

Nada melhor que um cacto para dar aquele detalhe diferenciado no ambiente, não é? Com um nome bem curioso, o Cacto Mickey Mouse tem origem mexicana e, mesmo vindo de um lugar bastante quente, ele tem uma ótima recepção a ambientes frios, como a maioria dos cactos que se adapta muito bem as diversas temperaturas. Mas é importante frisar que o Cacto Mickey Mouse é ideal para se colocar em ambientes de alta luminosidade, pois quanto mais sol receber, mais bonito ele crescerá!

Ele pode ser encontrado em tons amarelados e até envermelhados, porém, a que melhor se encaixa com a estação é a conhecida como Opuntia microdasys albispina, que apresenta espinhos albinos que quando crescem, lembram um coelhinho felpudo, perfeito para ficar em cima de uma mesa da sala ou até um detalhe fofinho na cozinha, não é? Porém, é bom avisar que esse cacto é fofinho igual o Mickey Mouse, mas pode machucar facilmente se não for manuseado com cuidado!

Mesmo não possuindo os típicos espinhos, ele traz densos tufos com finas estruturas que parecem pelos e são capazes de penetrar facilmente na pele, até no seu simples manuseio. Sendo assim, se você tem crianças ou animais de estimação em casa, é indicado que os cactos fiquem em locais altos.

5 – Ciclames (Cyclamen persicum)

Conhecidas como as rainhas do inverno, Ciclames é a espécie que melhor sobrevive a altas temperaturas, até mesmo em locais de frio intenso, com temperaturas beirando os 5ºC! Elas geralmente são as mais escolhidas para cultivar em casas em apartamentos, devido a sua fácil adaptabilidade.

Sua espécie geralmente é encontrada na cor branca, salmão, rosa, vermelha e até bicolor, algumas até apresentam um leve perfume, também contribuindo para deixar o seu ambiente com aquele odor adocicado! Outro incentivo para a Ciclame ser cultivada no inverno é que, geralmente, essa estação apresenta menos dias de sol, condição perfeita para essa espécie que não pode ser deixada diretamente no sol por muito tempo. Elas são uma ótima opção para embelezar mesas e outros espaços minimalistas, pois suas cores chamam bastante atenção!

  • 0
  • 38
Adrimar Construtora

A Adrimar está presente há de 30 anos no Litoral Sul de São Paulo. Suas realizações e diferenciais fazem com que seja reconhecida e consolidada por seus empreendimentos e serviços de alto padrão.